Top Women Investing in Latin American Tech: belo-horizontina na lista de 82 %

Top Women Investing in Latin American Tech: uma belo-horizontina na lista de 82

Luisa Pinto Coelho: vice-presidente da Confrapar | Foto: Lavca

17%

É o percentual das startups (empresa de base tecnológica com produção escalável) investidas por Fundos de Venture Capital (capital de risco) que possuem fundadoras, segundo a Associação Latino-Americana de Private Equity e Venture Capital (LAVCA). A entidade acaba de lançar a lista Top Women Investing in Latin American Tech, com 82 nomes, sendo 21 brasileiras. Entre elas estão Luisa Pinto Coelho (foto), da Confrapar Administração e Gestão, a única baseada em Belo Horizonte, além de Isabela Rugani, Paula Rechtman e Marília Lima, da Inseed Investimentos, que tem atuação em Minas Gerais.

*Conteúdo da coluna Fora da Caixa, veiculado todo sábado na edição impressa do jornal Estado de Minas. Confira também os canais de vídeopodcast e instagram.

Leia mais
Mais robôs do que humanos no trabalho em 2025
Entrevista: Filipe Ivo, embaixador da Singularity U em Belo Horizonte
HackTown une tradição e inovação, tecnologia e humanidade
Educação e tecnologia: Minas Gerais tem 11% das edtechs brasileiras

Compartilhar

X