Nucont: uma startup de "contabilidade sem chatice"

Nucont: “contabilidade sem chatice”

Fernanda Rocha e Luis Felipe Winter, fundadores do Nucont – Foto: Divulgação/Nucont

(Paola Carvalho*) – O casal Fernanda Rocha e Luis Felipe Winther criaram o Nucont – startup que oferece uma plataforma que transforma dados contábeis e financeiros em indicadores que apontam a saúde das instituições de forma descomplicada. Com um ano de vida, segundo os empreendedores, o Nucont tem hoje 40 funcionários, impactou a contabilidade de 4 mil empresas, movimentou mais de R$ 6 bilhões e espera pelo menos triplicar o resultado ao fim deste ano. Além de CEO, Fernanda lidera o Movimento Contabilidade Sem Chatice. “A contabilidade é uma grande aliada para o empresário ter em mãos e tomar decisões importantes – não apenas um mal necessário”, afirma.

Quatro perguntas para o Nucont

1) O que seria uma revolução contábil? Ou contabilidade sem chatice?

Uma revolução contábil é uma verdadeira mudança de conceitos, atitudes e posicionamento. É combater a hiperburocracia estatal e educar o mercado para que valorizem a Contabilidade Consultiva, algo que não se faz sozinho. Por isso, o ‘Contabilidade Sem Chatice’ (#CSC) dá a força e a voz para que cada contador consiga provar o seu verdadeiro valor para o mundo. O #CSC é um movimento, uma iniciativa pioneira no mercado que reúne milhares de contadores no Brasil inteiro através de grupos de discussão, encontros regionais e nacionais, sempre com o objetivo de auxiliar os profissionais contábeis a se unirem, a solucionarem problemas e a prosperarem.

2) De que forma a contabilidade pode ser uma aliada do empreendedor?

As informações fornecidas pela contabilidade orientam os empresários na tomada de decisões, ajudando-os a encontrar maneiras eficazes para definir escolhas que podem tornar as empresas mais bem sucedidas. As projeções contábeis são valiosas, pois otimizam o desempenho das empresas. Uma análise inteligente dos dados torna possível o alinhamento de determinadas escolhas em oposição às tomadas de decisões simplesmente intuitivas.

3) O que significa agregar valor ao profissional de contabilidade?

Agregar valor ao contador é fazer com que ele deixe de ser visto apenas como mal necessário que as empresas precisam ter e passem a ser encarados como verdadeiros consultores, em posição estratégica, aptos para gerar insights cada vez mais valiosos. Há muitas informações relevantes nos números que passam dia a dia pelas mãos dos contadores, capazes, realmente, de indicar ao empresário a realidade financeira da sua empresa, ajudando-os a entender o passado e a vislumbrar o futuro. Interpretar os números e extrair deles informações adicionais é o caminho que encurta a distância entre o profissional contábil e o cliente.

4) Como se usa a plataforma?

O Nucont é alimentado pelas informações que o cliente gera para a contabilidade. Essa informação pode ser do software de gestão financeira ou até mesmo do seu software contábil. Basta conectar os dados ao Nucont que ele processará, analisará e entregará insigths de negócios e dashboards para a tomada de decisão. Na prática, a plataforma do Nucont permite ao contador traduzir as demonstrações contábeis, com gráficos e indicadores que são capazes de diagnosticar a saúde de uma pequena empresa. Através da plataforma, os profissionais se tornam verdadeiros consultores de negócios, cada vez mais estratégicos na gestão das empresas.

 

*Conteúdo da coluna Fora da Caixa, veiculado todo sábado na edição impressa do jornal Estado de Minas. Confira também os canais de vídeopodcast e instagram.

Leia mais
Newspaper × Hyperlinks: técnicas de jornalismo para construir um texto
Nova economia e inovação no jornal Estado de Minas
Malala: “Educação é o melhor investimento a longo prazo”

Compartilhar

X